Postagens

Mostrando postagens de 2010

Homenagem

Imagem
Por favor, inicie a musica para proseguir a leitura do texto.





Se você errou

Se você errou, peça desculpas...

É difícil perdoar?
Mas quem disse que é fácil se arrepender?

Se você sente algo diga...

É difícil se abrir?
Mas quem disse que é fácil encontrar alguém que queira escutar?

Se alguém reclama de você, ouça...

É difícil ouvir certas coisas?
Mas quem disse que é fácil ouvir você?

Se alguém te ama, ame-o...

É difícil entregar-se?
Mas quem disse que é fácil ser feliz?

Nem tudo é fácil na vida...
Mas, com certeza, nada é impossível...



Perdoar nao significa esquecer as marcas profundas que nos deixaram,ou mesmo fechar os olhos para a maldade alheia.Pedoar é devolver um sentimento profundo de compreençao, por saber que nos e outros ainda estamos distantes de agir corretamente,por nao estarmos, momentáneamente, em completo contato com a intimidade de nossa criaçao divina,e que todos nos temos em varias ocacioes gestos de irreflexao e açoes inadequadas.


Com certeza, mágoas passadas,
no passado devem ser de…

Era 7 de outubro

Imagem
Ana se lembrava bem.Comotodos os outros dias, ela se levantou, entrou embaixo do chuveiro, lavou seus cabelos, colocou uma roupa, comeu algo e foi pra escola. Quando a garota chegou em casa, abriu seu MSN. Um convite novo. ‘Aceite’, pensou ela. Foi por sua intuição, sempre ia. Era um garoto, chamado Bruno. Os dois começaram a conversar. Com o tempo descobriram que gostavam das mesmas bandas, das mesmas comidas, do mesmo tudo.
Tinha quase tudo em comum, exceto uma coisa: a cidade. O garoto morava em Londres. A garota, em Bolton, uma pequena cidade ao sul da Inglaterra. Eles começaram a conversar mais e mais. Cada dia mais, cada vez mais. A mãe de Ana achou que estava viciada em internet, o que realmente estava. Ela estava certa, Ana não podia contrariá-la. A garota era apenas muito preocupada com seu futuro, não deixava de fazer lições de casa para entrar no computador. Mas assim que acabava, ligava logo o aparelho. Era também o caso de Bruno.
O garoto sempre que chegava da escola deixava …

Carta ..

Imagem
Eu nunca imaginei sentir tanta saudade.Nunca pensei que iria me arrepender de coisas que já fiz de palavras que não disse, mas bem o tempo passo e aqui estou eu..Me corroendo em meio a agonia de ter feito e não poder desfazer, de ter falado e não poder retirar, de querer gritar e saber que não serei ouvida. Não é muito fácil, mas totalmente previsível afinal alguém já dizia:” três coisas não voltam atrás a palavra depois de data, a pedra depois de lançada e o tempo depois de perdido.”Confesso que desconheço o autor, mas conheço perfeitamente o sentido de cada palavra dessa frase. Eu errei. Eu me arrependo. Eu te perdi. Eu esnobei,eu fingi que não me importava. Eu encenei que estava bem. Eu chorei. Eu ri pra esconder o choro. Eu cai. Eu me levantei.Achei que estava firme E ai , eu percebi que nada mais tinha sentido.Depois acabou a ilusão que eu creie, a emoção foi embora e eu so peço pro tempo correr.Maldito ego, maldito egoísmo, maldito geneo, maldito destino... maldita cidade, maldi…

Gira Mundo

Você gostava de ficar sozinha, mas hoje a solidão te dá medo.Você gastava horas em pensamentos, mas agora cada minuto a ti tem mais valia.Você nunca teve problemas com a escrita, mas hoje se perde com suas próprias palavras Você via valor em caminhar para espairecer, mas já não te tem sentido não ter pra onde ir.Desaprendeu a ouvir o vento, não procura mais o luar, parece perdido em seu refugio, não sabe nem mesmo o que olhar.Já não se perde em sonhos, não almeja o impossível, se contenta com pouco, e vê na realidade a projeção do paraíso.Abandonou os livros, não tem sede de sono, deixo velhos hábitos, e adotou novas manias. Esqueceu de seus hobbies e cultiva somente a bíblia.Perdeu a sensibilidade, o faro e o tino, seus conselhos já não são mais uteis, seus amigos não se fazem presentes, sua vida; uma rotina, seus dons; apenas sorte, seus desejos; loucuras, suas escolhas; um risco.A musica já não te envolve, a poesia não te inspira, a seu ver o mundo não te sorri.
Nota da autora: Eu s…