quinta-feira, 23 de julho de 2009

Tenta entender - -Parte II

Chega uma hora que você se pergunta o que é que pode ter dado errado.
Será que tudo por aquilo que você lutou foi em vão?
Você nota que esta sozinha, e que no mundo poucas coisas agora fazem sentido.
Não entende perguntas obvias, mas teima em achar as respostas complexas.
Você revive por algumas horas os momentos que você julga serem memoráveis.


Não percebe que a culpa não é sua, que agora o menos recomendável é se martirizar.
Coloca na sua cabeça: você não é a vilã do mundo.
Não foi você que causou os últimos dez acidentes, não é você a responsável pelas ultimas cinqüenta mortes, a gripe suína chegou aqui por rota, e não por que foi atraída pela sua má sorte, enfim o mundo está em caos sim, mas sobre isso você não tem nada haver.

Ergue a cabeça e tire, tente se livrar, o peso que parece que o mundo depositou em você.

Você lutou você demonstrou e a culpa não poderia ser sua se as pessoas não entendem o obvio. Tem coisas que mesmo que queiramos gritar não obteremos os resultados esperados... Elas não serão escutadas. Por mais claro que pareça, há sempre alguém com a visão obscura. Por mais simples que seja ha sempre alguém com o dom de complicar. E isso independe do quanto de ar você encher os pulmões, o quanto de fôlego você possui e o quanto esta disposta berrar. Infelizmente o amor não é algo pelo qual possamos sair intactos.

Por inúmeras vezes foi você que esteve ao seu lado, que estendeu a mão, que o viu chorar, que compartilhou do seu mais belo sorriso só para o animar.



assim como também incontáveis vezes o viu cantarolar a canção preferida demonstrando sua pura satisfação, que viu seus olhos brilharem de alegria, que dividiu com ele tardes sem fim de piadas, risadas, e traquinagens.




Sim você fez um maravilhoso trabalho, ninguém poderia o ter feito melhor.
Você foi a amiga, a companheira, a conselheira, a irmã, a mãe, a confidente, a ajuizada, a frágil, a esperançosa... Enfim sempre se enquadrando ás suas necessidades. Você só se esqueceu das Suas necessidades. Você só não foi aquilo que você realmente queria ser.


Claro não foi por falta de tentativas, ou de esperança...

Mas agora você nota que o tempo passou que as coisas saíram de lugar, que os ventos não sobram nunca na mesma direção... e se pergunta se o tempo foi perdido.




Cada palavra, cada gesto, cada sonho, cada esperança, cada promessa... Tudo jogado fora.
Você percebe mais uma fez que o “pra sempre” terminou cedo demais.
Vê que a intensidade é algo relativo, que o que é muito pra mim sob sua perspectiva pode não ser tanto assim.
Eis o momento no qual você percebe que o amor é muito mais que palavras, e se questiona se realmente você alguma fez chegou perto de amar, ou ser amada.


Você quer voltar no tempo e apagar todos esses momentos,ou simplesmente deseja jamais ter vivido-os ...



... mas percebe que não é de ter feito que você se arrepende, então percebe que o que você realmente quer e apenas voltar e reviver os momentos para extrair deles o melhor que cada um pode proporcionar.A melhor sensação. O melhor ângulo.



Promete a si mesma que aproveitaria da melhor forma possível, não deixaria nenhum segundo passar sem que ele fosse devidamente gravado em sua memória. Uma gravação detalhada dos momentos felizes.



Um modo de eternizar um amor que você julga tão forte.



Uma brisa leve passa por você e você sai do mundo de fantasia, e volta a sua realidade.




Diante dos seus olhos uma longa estrada, mas você ainda hesita em continuar. Pela sua cabeça passa a hipótese de esperá-lo. Será o certo? Talvez. Mas quanto tempo levara? Você esta disposta a paralisar o certo e esperar o acaso?




Você então nota que deve continuar trilhando, ainda que sozinha, pois se for da vontade divina seus caminham voltaram a se cruzar...



Embora você esteja ciente de suas escolhas já não é mais dona de sues pensamentos que agora voam em encontro dele, só que no fundo Você sabe que a vida deu a vocês caminhos diferentes!














Nota da autora: Amiga conforme prometido ai esta o seu texto, enrolei, demorei, mas finalmente terminei. Espero que goste, e que ele atenda ao seu pedido! Precisando grita ta?! I love you xuxu! *.*

terça-feira, 21 de julho de 2009

Tenta entender...

Nota da autora:
Desculpe a demora amiga, trabalhei muito no tema, pesquisando as melhores imagens, o melhor ponto de vista... Enfim elaborando um bom texto. Espero ter atingindo ás suas expectativas. Que de algum modo ele poça te ajudar.



Sabe aquelas palavras que você precisa dizer? Eu não consegui dizer.
Sabe aquele sentimento que vem sem você perceber, que há necessidade de você gritá-lo? Eu não consegui te demonstrar.

Sabe aquela vontade que vem depois que tudo já passou? Eu ainda a sinto presente.
Sabe aquele buraco, que temos a sensação de poder esconder o mundo nele? Eu tenho um desses bem dentro de mim...

Sabe aquela cena que não sai da sua memória, que fica ali persistente, clamando por ser lembrada a todo instante? Pois bem, ela não me da paz.

Sabe aquele arrependimento por todas as coisas que você não fez que inúmeras pessoas te aconselharam a fazer mas você não deu ouvidos?Esse arrependimento ta corroendo o meu coração.

Sabe a sensação de te ver indo embora e se sentir atada, de não ser capaz de conte-lo com meus braços, com meus apelos, com as minhas palavras, com a verdade dos meus sentimentos? Ela mora comigo agora. Ela faz parte de cada hora do meu dia.

Sabe aqueles sonhos que eu sempre tive, não importando se dormindo ou acordada, que me faziam fantasiar um futuro para nos? Eu os perdi em algum lugar. Junto com o brilho dos meus olhos, junto com o calor nas minhas palavras... Talvez eu poça ter deixado com você! Por um acaso você os levou?! Se a caso estiver com você... Devolva-me...

Eu ate aprendi a viver sem você, eu me acostumei com a sua ausência, mesmo sentindo a sua falta, a vida me ensinou a conduzi-la embora eu tendo que acionar o piloto automático, mas esta dando certo. Eu estou caminhando, não sei bem ao certo a direção, mas eu estou tentando. Então por favor, não torne tudo mais difícil do que já esta! Devolva-me ao menos os sonhos...

Você sempre gostou de enrolar o simples não é?! De complicar o facilitado... Isto é um dom sabia?Um tanto quanto comum, mas não deixa de ser um dom... Apesar de que a mim parece um vicio... Será uma combinação dos dois? “Um dom viciante”!? Quem sabe...


“Ah, se tudo fosse um pouco menos complicado. Se você ficasse bem mais perto, Aqui do meu lado...”



Nota da autora II: Para recompensá-la farei mais um texto com o mesmo tema.Embora tenha me agradado o resultado desse post, ainda não acredito que este contenha tudo aquilo que você realmente precisava. De qualquer modo, aguarde o próximo.
P.S.: Adorei esse negocio de “nota da autora”! *.*

quarta-feira, 15 de julho de 2009

Felizes para sempre



Recebi algumas criticas pelo modo que abordei o tema amor, ou melhor, pela colocação que fiz de não abortar o tema amor... Ah! Enfim vocês já vão entender do que estou falando.
Para as pessoas que estão acompanhando o blog vamos voltar um pouquinho no segundo post que eu fiz. O único sobre o amor!!
No inicio dele coloquei uma observação falando que dificilmente eu escreveria sobre tal tema.
Não que eu não seja romântica. Apesar de que eu acho que realmente não sou, mas enfim... Ate mesmo essa minha falta de romantismo, ou como eu prefiro dizer “esse excesso de realidade”, tem sim explicação.

Tudo começou quando ainda criança, minha avo, minha mãe, minhas tias e primas... As mulheres da minha família, contavam pra mim famosas historias de contos de fadas. Sempre fui fascinada por todo aquele encanto, por aquele novo mundo que me era apresentado. Porem nunca me conformei com os finais que todas elas tomavam. Que raios vêm depois daquele tradicional “felizes para sempre”? Não era possível que todo aquele enredo terminasse assim, de maneira tão... Tão... Vaga!Não era justo comigo e com as outras zilhoes de menininhas que eram iludidas com aquela falsa promessa de felicidade. Eu esperava pelo meu príncipe e seu cavalo branco, embora São Paulo nunca indicasse ser o cenário perfeito para uma obra dessas, mas eu era criança poxa!


Muitos anos se passaram ate que alguém, ser extraordinário permita-me dizer, pudesse me dar as respostas que ninguém podia dar quando criança.
Hoje eu apresento a vocês aquilo que nossas babas não nos contavam, a parte que nossas avós, mães, tias, primas... A mulherada. Não sabiam nos explicar.
Com vocês a verdade nua e crua do “felizes para sempre”:















E se depois de tudo isso voce ainda achar que vale mesmo apena beijar um sapo, então não sou eu que tenho problemas meu bem!













terça-feira, 14 de julho de 2009

Espontâneo.

Espontaneidade:

Segundo o dicionário: s.f. Caráter daquilo que é espontâneo, naturalidade, facilidade.



Fácil não?
Na pratica?! Simples a vida requer espontaneidade. Só sabe viver, aquele que é espontâneo. Que aproveita cada oportunidade que lhe é apresentado. Que não tem medo de gritar aos sete ventos, com clareza, os seus sentimentos.
Ser espontâneo não é algo que eu acredito ser possível ser aprendido. Poço estar profundamente errada, mas acho complicado que uma pessoa fechada, retraída, poça aprender a se expressar como quem aprende a pintar quadros. Por que espontâneo nada mais é aquela pessoa que se expressa. Expressar seu querer, o seu pensar, o sentir. Assim como um artista, não poderia compor uma obra sem antes manifestar ter o dom para realizar tal proeza, sem ser apto para a tarefa que escolheu, tal igual é a relação pessoa-espontaneidade.
Deve ser o casamento perfeito entre a vontade, a coragem e o momento.


Não a nada mais espontâneo do que aproveitar a vida!




Os olhos da verdade.

É fácil ignorar o que se passa ao meu redor...
Mas fácil ainda é fingir que tudo esta ótimo apenas por que eu estou bem.
Ignorar que em algum lugar no mundo alguém clama por socorro, uma lagrima escorre por uma perda, por uma decepção, por um desilusão, um ultimo suspiro de esperança pode ser ouvido.
Em algum lugar existe uma pessoa com fome, com frio, desamparada.
Mas eu? Eu estou bem. Eu não tenho fome, não estou sentindo frio, eu tenho teto, tenho a certeza de que ao amanhecer terei uma empresa me esperando de portas abertas para mais um dia de trabalho. Tenho sonhos e meios para conquistá-los. Eu? Eu não paro nem por um segundo para olhar os que precisam de mim. Mas não sou tão ruim assim. Eu torço! Torço para que alguém, que não compartilhe desses meus pensamentos, esteja nesse exato momento estendendo as mãos para todas essas pessoas que eu não fui capaz de ajudar. Para que assim o peso de meu fardo diminua. Afinal eu poço não estar ajudando, mas tem alguém que esta em meu lugar.
È fácil pensar á minha maneira. É fácil conviver nesse mundo. Diria ate que há pessoas que sensacionalizam demais a vida por aqui. Não é nem de perto o horror relatado pelo mundo afora.

~ “ ~ “ ~ “ ~ “ ~ “ ~ “ ~ “ ~ “ ~ “ ~ “ ~ “ ~ “ ~ “ ~ “

Se você concorda com o texto acima, é por que ainda não parou para olhar o mundo onde vive. Com os olhos da verdade, com os olhos da inocência ... com os olhos de uma criança!










Apartir de hoje passe a olhar o mundo atraves dos olhos de uma criança.

amizade

Claro que eu não podia deixar de falar sobre a amizade!




Aquele sentimento que geralmente chega sem grandes apresentações e quando menos se espera já se manifestou de tal forma, que é impossível ser controlado.
Se tem algo que me chama atenção na amizade, é o fato de sempre nos forçarmos a lembrar
Onde foi que tudo isso começou.
Confesso que levou um tempo para que eu entendesse que amizade não tem principio.
Talvez seja uma das poucas historias que já começam no auge, no clímax, e que podem ou não contar com um final que poderá ser representado de varias maneiras, como esquecimento, distanciamento, ou o fim em sua maneira mais previa. Mas poucas contam com um inicio.
Algo engraçado de se notar.


A amizade nada mais é que um livro constituído por crônicas ou... Contos. Isso contos!
Cada capitulo é único, e é junção deles que faz dessa amizade o sentimento forte e vigoroso que es.Eu costumo comparar a amizade com a felicidade. A felicidade também é um sentimento compostas de pequenos flashes, é a junção desses flashes que nos tornam felizes. A diferença da amizade e da felicidade, é que geralmente na felicidade só nos damos conta de que ela existe quando ela já se foi. A felicidade vem aliada na lembrança. E a amizade não. É perfeitamente possível sentir a amizade no presente, e os episódios vividos chamamos de recordações. Ao invés de nos trazer a sensação pura da felicidade às recordações, por sua vez, sempre vem com a nostalgia e a saudade.


A amizade une pessoas com os mesmos interesses, ou com as mesmas características, também tem o poder de unir dois seres completamente diferentes, é fortalecida nas dificuldades, é exaltada na alegria, é transparente na solidariedade, vem sempre lembrada na saudade, esta sempre por trás daquela preocupação, estampada no sorriso.
Ela é essencial na vida de um ser humano.
Afinal nenhum homem é uma ilha para que viva só.


Por incrível que pareça a amizade tem sim inimigos. O maior deles? A solidão. Dois lados opostos de uma face. Tem sempre alguém pra atrapalhar como a inveja.
Mas com certeza a amizade é superior. Eu diria que ela é ate mais forte do que o amor. Se não, se iguala a ele. Pois quando o amor fere é a amizade que concerta. Quando o amor se acaba é a amizade que assumi.
Ta ai a amizade é o inicio e o fim de um amor.
A amizade é um amor puro, um amor auto-suficiente. É aquele sentimento de irmandade, de sociedade, de parceria, de fidelidade, lealdade... De respeito e admiração.

Quem tem amigos tem grande parte do TUDO!





Preciso da sua amizade, da sinceridade, do teu carinho!

Moniii!!





Terça feira dia 14/07


Um dia tão especial para todos que como eu foi abençoada com a presença, dessa menininha.
A nossa amizade dispensa comentários, mas nunca agradecimentos... Agradecer primeiramente a Deus, pela oportunidade de te conhecer, por traçar nossos Caminhos em retas tangentes. Ser grata a pessoa maravilhosa que você se tornou, com esse jeito todo meigo, alheio rs, carinhoso, sincero, extrovertido, companheiro... Enfim por essa amizade linda!Por ser meu porto seguro.

Parabéns por mais um ano de lutas e conquistas, de amadurecimento, de vitorias.
Que hoje se inicie um período marcado de maravilhosas surpresas, de crescimento continuo de realizações esplendidas. Que a certeza de uma amizade solida e presente te acompanhe diariamente.

Que você poça levar em sua vida todas as lições extraídas do seu cotidiano, que os tombos te faça forte, que as subidas te deixem resistentes, e que você leve nesse trajeto principalmente e primeiramente a Deus. Que Ele te abençoe ricamente, que transpareça em ti o Seu amor.

Nunca se esqueça o quanto você é especial, o quanto és querida por todos que te cercam....

Feliz aniversario, amiga!!



segunda-feira, 13 de julho de 2009

Ele virá!




Os anos passam deixando em nós o sabor áspero da espera, e a peculiar sensação da ansiedade.
Anos longos com dias curtos... a certeza de um reencontro é o que nos motiva a viver. A certeza de que velhas promessas serão cumpridas.
Eis que todo olho verá, eis que não tardará a Tua vinda.
Os sinais já se podem ver... Ele virá... Sobre as nuvens. Confirmará a Tua palavra, a confirmação do mais imenso amor!

♪ Mas ainda que demore ou mesmo que pareça, eu não me esqueci de ti, virei outra vez. ♪

♪ Os meus olhos verão o rei, seu olhar de amor.
Como estarei quando enfim, vier? ♪


Pai segura a minha mão, sustenta-me em seus braços, guia meus passos, toma-me a vida, seja o senhor de meu tempo, de meus pensamentos. Alivia a dor da espera, restaura a minha fé com suas palavras, ampara os meus temores, clareia meus conflitos, faz-se presente em cada hora de minha vida, livra-me de todo esse mal que me cerca,realiza em mim o Teu sonho, usa-me como instrumento, brilha em mim para que o mundo poça te enxergar. Ensina-me a te servir, a entender o seu querer a responder ao teu chamar.


Pai faz-me branda perante a ira deste mundo, persistente perante os desafios, paciente quanto Tu silencioso, consciente a cada ato, Pai faz-me forte, pois reconheço que fraca sou,

Faz-me amável aos olhos do meu próximo, digna de confiança, espelho a quem te procura. Faz-me merecedora de tua graça, perdão e amor.
Pai seja comigo Pois sem ti nada sou!


thalita de souza vieira

sexta-feira, 10 de julho de 2009

Amanhecer


Em tributo a saga crepúsculo, que finalizei a leitura durante essa madrugada, fiz um pequeno trecho a Edward pela visão de Bella:


O fato é relativamente tão simples que não há palavras que o possam explicar.
São as doces criaturas tão popularmente conhecidas como borboletas, que insistem em não me dar folga e perambulam em meu estomago com tal agilidade a causar m e enjôos.
O roçar de suas asas me trazem a melancolia de uma tarde cuidadosamente cultivada em minha memória, não mais podia pensar no que haveria de vir uma única e perturbadora incógnita assoava minha mente.
De certo não era o futuro que eu aguardava ansiosa, mas sim o passado que não foi capaz de se desprender de mim, e me torturava como se tentasse numa corrida consigo mesmo atingir o tempo recorde em que me enlouqueceria.
As cenas se faziam presentes de maneira tal que chegava a duvidar a possibilidade de estar revivendo-as.


De mais uma coisa eu estava certa: Ele agora, jamais sairia da minha cabeça.


quinta-feira, 9 de julho de 2009

Sim...

Por ser feriado, e pela inspiração estar rolando solta resolvi fazer dois posts de uma fez... Boa leitura !


Não que eu não espere que algo ainda vá acontecer. Não que eu não saiba que o caminho é longo e estreito. Não que eu não enxergue os problemas. Não que eu não esteja no fundo depositando no próximo o que só poderia vim de mim. Não sou hipócrita reconheço os meus erros, mas não perco as esperanças de ser reconhecida pelos meus acertos. Não que eu não me importe com o que pensam. Não que eu não me arrependa do passado, ou mesmo que não me orgulhe. Não que eu não esteja pronta pro futuro, mas não que eu não tenha medo do que virá. Não que eu não esconda os meus sentimentos. Não que eu tenha medo de demonstrá-los, não me envergonho do que sinto. Não que eu não tenha me apaixonado. Não, mais com certeza não tenha amado. Não que eu tenha alcançado os meus objetivos. Não que eu esteja satisfeita com que tenho. Não que eu seja ingrata. Não que eu não almeje a medicina. Não que eu não tenha mais planos. Não que eu não anseie por eles. Não que eu não saiba esperar. Não que eu não acredite na vitoria. Não que eu já não tenha perdido. Não que eu já não tenha me desesperado. Não que eu não tenha chorado sem motivo, ou dormindo sem sono, ou esperado em vão, ou me decepcionado. Não que eu não seja criança. Não que eu não tive infância. Não que não soube aproveitá-la. Não que não tenha extravasado. Não que eu não tenha amigos. Não que eu não poça contar com eles. Não que eu não tenha a certeza de que se sozinha nasci sozinha morrerei. Não que eu espere pela morte. Não que ela não virá. Não que minha vida tenha se resumido em pequenas negativas. Não que ela tenha chegado ao fim.



Não que eu não saiba o valor do SIM!







O amor




Vamos falar de amor?

Bom poço garantir a vocês que esse não será o tema central em meus posts.
Mas por uma questão de normalidade e tradição escolhi começar com esse
Apenas um modo de não assustar ninguém. Então...

Como saber que é a pessoa certa? Há sintomas do amor?
Deve haver alguma profecia a ser cumprida antes de se detectar o amor...
Embora algo me diz que ao olhar para você , eu perderei completamente qualquer controle que poça ter de meu corpo. Meus pés? Não responderão os meus comandos...
Minhas mãos? Suaram em resposta ao seu olhar! Minhas pernas entrarão em colapso por seu toque. Meu coração atingirá o auge de um ritmo frenético por sua presença.
Perderei Qualquer noção de espaço, tempo... a única sensação que capturarei é o pousar dos seus em mim.
Serei incapaz de abrir a boca pra se quer me pronunciar!
Estarei desarmada perante ti.
Seu coração poderá me manter refém sem resistências.
O mundo parara a minha volta, o chão abrira sobre mês pés e eu flutuarei sustentada por meu amor.
Talvez esta seja uma visão um tanto quanto... Encantada sobre o amor.
Mas de uma coisa eu estou certa: De algum modo eu saberei que é você!

quarta-feira, 8 de julho de 2009

Eu eu mesma Thalita

O objetivo desse blog é dividir com vocês um pedaço do meu mundo, para tanto acho que o mais importante a ser adotado como primeiro passo, já que vamos caminhar juntos a partir desse degrau, é que nos esforcemos ao maximo para nos conhecermos.
Então decide que este primeiro post alem de boas vindas será de apresentação.
Levei dias para bolar algo de que me orgulhasse para passar a vocês.Ainda não saiba bem ao certo como me descrever de forma clara e sucinta, desejava que outra pessoa o fizesse por mim, nunca fui boa com autobiografias.
Pois bem es que em mim surgiu a idéia que me traria a paz.

Apresento-lhes um pouco de mim nas palavras de Clarice Lispector e Vinicius de Moraes, espero que gostem...

"É tão difícil falar e dizer coisas que não podem ser ditas. É tão silencioso. Como traduzir o silêncio do encontro real entre nós dois? Dificílimo contar. Olhei pra você fixamente por instantes. Tais momentos são meu segredo. Houve o que se chama de comunhão perfeita. Eu chamo isto de estado agudo de felicidade."

"Quando penso no universo: sua complexidade e imensidão, penso nos meus problemas e no quão pequenos eles são.

"Olhe, tenho uma alma muito prolixa e uso poucas palavras.Sou irritável e firo facilmente.Também sou muito calmo e perdôo logo.Não esqueço nunca.Mas há poucas coisas de que eu me lembre."

"O que eu sinto, eu não ajo. O que ajo, não penso. O que penso, não sinto. Do que sei, sou ignorante. Do que sinto, não ignoro. Não me entendo e ajo como se me entendesse"

"Sou um coração batendo no mundo"

"Não era mais uma menina com um livro: era uma mulher com seu amante."

"O tiro de misericórdia. Estou cansada de me defender. Sou inocente, até mesmo ingênua porque me entrego sem garantias."

Mergulhe no que você não conhece como eu mergulhei. Entregue-se como eu me entreguei. Não se preocupe em entender. Viver ultrapassa qualquer entendimento"

"Quem pagará o enterro e as flores se eu morrer de amores?"

"Se o amor é fantasia, eu me encontro ultimamente em pleno carnaval."

"...que não seja imortal, posto que é chama, mas que seja infinito enquanto dure..."

"Eu poderia suportar, embora não sem dor, que tivessem morrido todos os meus amores, mas enlouqueceria se morressem todos os meus amigos!"